Páginas

quarta-feira, fevereiro 18, 2009

tristeza














o sol nasceu maravilhoso
e não me viu
os pássaros estão cantando
é nem me olham
o brilho das árvores ao lado de minha janela
parece fugir de meu olhar
o canto de minha alma
está emudecido
a circulação sanguínea
que parar
o coração é forte
sente a solidão
que tempo de medo é esse?
resta-me a dor.

2 comentários:

Luã Gabriel disse...

Grande companheiro Pedro,

Se estes são seus sentimentos no momento, então te digo: tens amigos!

Um forte abraço saudoso,

LUÃ GABRIEL

Pedro César disse...

Valeu. Luã.

O tempo nos anima, mesmo o tempo que ainda não veio. Por isso acreditamos na luta e nos sonhos.

Abração,